expr:class='"loading" + data:blog.mobileClass'>
Quem nunca leu um livro, ou assistiu a um filme, detestou o final e ficou imaginando como seria o seu final perfeito? Pois bem, isso acontece comigo o tempo todo. A desilusão mais recente se deu com "personagens reais". A Fazenda de Verão chegou ao fim, e entrei em abstinência de ManoGelis, e para piorar elas terminaram, então resolvi escrever uma fanfic...
Aos escritores de plantão que quiserem postar suas histórias aqui, é só falar.

Páginas

terça-feira, 11 de junho de 2013


A dEaba veste Orange

CAPÍTULO 37 - Valentina, Bem Vinda ao Ninho...

          Muitas mulheres reclamam das dores na hora do parto normal, e para algumas delas esse momento é realmente muito doloroso, no entanto, a recuperação é rápida, quase que instantânea se comparado à cesariana. Manoella já não sentia praticamente nada, um leve incômodo na sua região íntima, mas nada muito sério. O problema era convencer Angelis disso, ela tinha ficado impressionada com as cenas do parto, toda a dor que viu nos olhos da Manu, e por isso para ela era inconcebível alguém sofrer aquilo tudo de dor, e dias depois não está sentindo nada. Por isso ela tratava Manu como se ela fosse quebrar a qualquer momento. E ninguém mais tinha coragem de contrariá-la depois que ela deixou claro que a Mulher é dela, e, portanto, sabe cuidar dela melhor que ninguém.


            Elas finalmente estavam indo para casa agora levando consigo a pequena Valentina. Aliás, elas não estavam voltando sozinhas, suas famílias e seus amigos as acompanhavam. Eles haviam preparado uma festinha surpresa de boas vindas. E quando entraram no apartamento Angelis e Manu foram surpreendidos, vários balões cor de rosa estavam espalhados pela sala, assim como bichinhos de pelúcia e flores, uma mesa linda com docinhos e um pequeno bolo completavam o clima de festa. Mas algo chamou a atenção delas, uma faixa onde havia desenhado duas bonecas, empurrando dois carrinhos um com uma menininha e no outro uma cadelinha, eram elas, a família delas estampado ali no meio da sala.

            Angelis e Manoella estavam encantadas com a surpresa, mas a visita foi rápida, estavam todos cansados, e Manoella precisa descansar, não só ela, já que a Angelis ficou no hospital o tempo todo. Beth e Hany se ofereceram para ajudar as meninas nesses primeiros dias, mas elas já tinham decidido que queriam cuidar de tudo sozinhas, as duas queriam poder curtir cada momento juntinhas. Elas agradeceram o apoio pediram algumas dicas de chá para as cólicas que naturalmente os bebês sentem, e logo depois estavam a sós no apartamento.

            Manu estava dando de mamar com a Valentina no quartinho dela, quando a Chanel entrou carregando na boca sua caminha...

            Angelis – tá pensando que vai pra onde com isso, Chanel? (ela fica observando enquanto Chanel deixa a caminha ao lado do berço da Valentina e fica lá, dei tadinha).

            Manoella – acho que ela tá querendo dormir com Valentina rsrsrs (ela ri baixinho pra não atrapalhar Valentina)

            Angelis – nem pensar, ela vai voltar soltar pelo no quarto todo, e a Valentina é muito pequena ainda... (ela disse séria)

            Manoella – ela tá tosada, Angelis... Deixa de ser má, ela nem solta pelo... E de qualquer forma a Chanel vai tá pela casa, isso não vai fazer diferença... (ela fala com pena da carinha que a Chanel faz como se estivesse entendendo tudo)

            Angelis – não se deixe levar por essa carinha dela Manu... rsrsrs

            Manoella – então, não vou me deixar levar pela sua também que tal? (Manu a desafia)

            Angelis – agora somos três, eu a Nelzinha e a Valentina rsrsrsrs.

            Quando acabou de mamar, Valentina já ressonava. Angelis a colocou para arrotar, e depois a pôs no berço. Elas ainda ficaram um tempo ali, olhando aquela pequena dormindo de bruços, a respiração leve, tão indefesa. Ligaram a babá eletrônica, deram um beijinho na Chanel e foram para o quarto. Manoella foi direto para o closet, onde separou uma camisola, pegou seu roupão e já seguia para o banheiro quando foi interceptada pela Angelis...

            Angelis – quer ajuda? 

           Manoella – não precisa baby... (ela responde de cabeça baixa, sem olhar nos olhos da Angelis).

            Angelis – tá acontecendo alguma coisa, Manu?

            Manoella – não, por quê?

          Angelis – no hospital você não quis minha ajuda, preferiu a enfermeira... Agora a mesma coisa... (isso já vinha incomodando ela)

            Manoella – a enfermeira é profissional, ela saberia o que fazer se algo acontecesse, foi só por isso... E agora, estou me sentindo bem, não preciso de ajuda, relaxa... Porque você não liga em algum restaurante e pede nosso jantar? (ela dar um selinho na Angelis se desvia dela e vai logo entrando no banheiro e trancando a porta, sem nem esperar uma resposta da Angelis, que assiste a tudo sem entender o que está acontecendo).

            Manoella está insegura com o próprio corpo, medo que a Angelis não a deseje mais, que não seja mais atraente aos olhos de sua mulher, por isso ela tem evitado que Angelis a veja nua. Ela está cheia de receios, sabe que a partir de agora as coisas serão diferentes, nos primeiros meses o bebê requer muita atenção, tanto que ela voltará ao trabalho aos poucos e só depois de quatro meses. Manoella teme que a Angelis não suporte essa rotina, mesmo sabendo que ela amadureceu muito, e que esse é também o seu sonho, mas ela simplesmente não consegue tirar essa insegurança que está sentindo.

            Angelis tentava entender o que estava acontecendo com a Manu, mas não conseguia. Ficava se perguntando se havia feito algo de errado, falado alguma besteiras, mas lhe vinha à cabeça. Imaginando que pudesse ser apenas estresse, ela decidiu que não tocaria novamente nesse assunto, e que agiria normalmente. Foi ao escritório e ligou no restaurante. Enquanto a refeição não chegava, ela voltou ao quarto pegou uma camisola, e foi tomar banho no outro quarto.

            Angelis estava arruando a mesa, quando Manoella apareceu usando um robe por cima da camisola, Angelis acho aquilo muito estranho, já que Manu sempre gostou de desfilar suas camisolas pela casa, mas ela preferiu não fazer nenhum comentário. Durante o jantar elas conversaram um pouco, e depois Manu foi direto para quarto, disse que descansaria um pouco, pois jajá Valentina iria acordar. Angelis ainda ficou um pouco na cozinha, arrumando as coisas, e foi para o quarto, Manu descansava de olhos fechados.

            Os dias foram passando e nada parecia mudar o comportamento da Manu. Ela continuava insegura e evitando a Angelis. As noites era sempre movimentas, Valentina tinha um reloginho na barriga de três em três ela resmungava com fome, Angelis sempre levantava buscava, a filha e a levava ao quarto para que Manu desse de mamar na cama mesmo. 

            E na primeira vez que a pequena teve cólica passou boa parte da noite chorando, dengosa, às meninas não sabiam mais o que fazer, e a solução deixar a pequena dormir na cama com elas. Depois que deram o chazinho, Angelis ficou com ela nos braços, andando pela casa, Valentina apenas resmungava um pouquinho fazendo manha, mas bastava Angelis a colocar no bercinho que ela voltava a chorar. Angelis, então a colocou no colo novamente, e foi para o seu quarto, sentou na cama e ficou ninando a filha, que logo adormeceu com medo que Valentina chorasse novamente, elas colocaram a filha entre elas na cama, e as três dormiram juntinhas.

            Duas semanas após o nascimento da Valentina... 

Manu sempre teve o poder de hipnotizar Angelis, mesmo que sem querer, é verdade. E desde a primeira vez que viu, ainda no hospital, Manu amamentar Valentina que essa virou sua visão preferida. Ela acorda todas às vezes durante a madrugada só para ficar assistindo essa cena. Os hormônios dela já não estavam em ordem desde a gravidez da Manu, muito ansiosa ela acabou compartilhando alguns dos sintomas da gravidez, e ainda durante a gravidez da Manu ela percebeu que seus seios mais cheios e doloridos e numa ida ao médico, ele disse que ela estava produzindo leite e que isso acontecia com algumas mulheres quando ficavam muito ansiosas.

            E no final da tarde enquanto alimentava aquele serzinho em seus braços, Manu não sabia se olhava para a filha que lhe encarava enquanto sugava seu seio, ou para Angelis que admirava aquela cena com os olhos brilhando. E foi quando Manu ia colocar Valentina em seu outro seio, uma ideia lhe veio à mente...

Manoella – Angelis vem aqui vem... (ela tira Valentina, e a pequena já ameaça um chorinho) Não chora amorzinho, você vai provar do leitinho da mamãe Angelis... (ela diz isso e olha para Angelis que paralisa ao ouvir aquilo)

Angelis – hãm? O que você tá querendo, Manu? (ela não está entendendo nada)

Manoella – seus olhos brilham quando estou amamentando nossa filha, eu quero que você sinta essa relação única quando estou alimentando ela... E como você também está produzindo leite, podemos tentar... Vem cá, vem. (ela levanta com Valentina em seus braços, ninando-a, cedendo seu lugar para Angelis que senta ainda tensa e com medo da filha não aceitar seu leite) Não fica nervosa, o bebê sente o estamos sentindo... Relaxa... (ela espera a Angelis higienizar o seio e depois lhe entrega Valentina)

Angelis – ela tá chorando Manu, vamos deixar tentar depois (ela estava insegura, e por isso Valentina não estava conseguindo mamar).

Manoella – nada disso baby, fica calma... Ela tá chorando porque tá com fome vai amor coloca o seio na boca dela... (Manu incentivava)

Angelis – pronto filha, aqui seu leitinho... (ela coloca o bico do seio da boca da pequena, que suga com vontade... Demorou um pouco até sair o leitinho ralo, mas Valentina não desistiu, e também não chorou. Olhava para Angelis como se dissesse, não desiste, porque também não vou desistir. Valentina sugava o seio da Angelis e tinha uma das mãos sobre o seio, os olhinhos vidrados na mamãe, que chorava emocionada. Agora era a vez de Manoella admirar aquela cena linda, ela podia imaginar a sensação que Angelis sentia naquele momento, por isso estava emocionada também).

E depois desse dia elas passaram a dividir essa tarefa, assim Valentina criaria esse vínculo com as duas mamães, e elas adoravam assistir esses momentos mágicos. Esse era um dos raros momentos em que Manoella ficava relaxada na presença da Angelis.  É a insegurança da Manu ainda não havia passado muito pelo contrário. Angelis sentia saudades do corpo da sua Mulher, tentava se controlar, pois ela ainda precisava cumprir a quarentena, e Angelis percebia que Manoella estava fugindo dela.

À noite Angelis tentava, pelo menos, fazer um carinho na Manu, mas ela sempre se afastava dizendo que estava com dor de cabeça, ou que precisava descansar, enfim ela sempre dava uma desculpa qualquer. Angelis a respeitava e não forçava nada, mas estava achando aquilo tudo muito estranho. Ela, aliás, só deixou um pouco essa história de lado, porque elas estavam em meio a uma briga judicial para registrar Valentina como sendo filha de duas mães.

Ju – então amiga como foi lá com o juiz? (ela perguntou assim que Angelis entrou no apartamento. O advogado delas havia conseguindo marcar uma conversa informal com o Juiz do caso, Ju e Danny ficaram com a Manu em casa).

Angelis – fiquei mais confiante, conseguimos mostrar ao Juiz que eu a Manu temos uma relação estável, nossa família nos apoia, temos uma boa condição de vida, e o principal amamos nossa filha... (ela dar um selinho em Manu)

Manoella – ele marcou a audiência? (ela pergunta ansiosa)

Angelis – marcou para daqui a duas semanas... Agora deixa eu tomar um banho, pra ficar com a minha princesinha... (ela dar mais um selinho na Manu e vai para o quarto)

Danny – tá acontecendo alguma coisa, Manu? Tô achando você estranha com a Angelis... (ela observa)

Manoella – não está tudo bem (ela tenta disfarçar)

Ju – desculpa Manu, mas eu também percebi... O que foi? Você sabe que pode contar com a gente...

Manoella – não é nada demais... (ela baixa a cabeça com vergonha)

Danny – a Angelis aprontou alguma? (ela tenta adivinhar)

Manoella – não que eu saiba... Ela tem sido ótimo... O problema sou eu...

Ju – tá sentindo alguma coisa, dor? (elas começam a se preocuparem)

Manoella – medo... (ela assume)

Danny – medo de que Manu?

Manoella – medo da Angelis não gostar mais de mim, não me desejar mais... Meu corpo já não é o mesmo...

Danny – ela é louca por ti Manu... Vocês ainda não tentaram nada? (ela tenta descobrir de onde saiu essa insegurança da amiga)

Manoella – ela tenta, mas eu sempre fujo... 

Ju – tá vendo, ela te quer... Mas porque você está fugindo?

Manoella – insegurança, meu corpo não é mais o mesmo... Tenho medo de decepcioná-la...

Ju – a Angelis te ama acima de qualquer coisa, Manu...

Danny - é amiga, e mais pelo que estou vendo você recuperou o corpo muito rápido... (ela se cala quando ver Angelis entrando pela sala)

Angelis – estavam falando de mim era? (ela brinca percebendo que todas se calaram)

Danny – aceita Angelis o centro das atenções agora é a Valentina, e não você rsrsrs (ela disfarça)

Angelis – RUM Sei... Pois deixa eu pegar minha pequena estrela... (ela pega a filha e fica conversando com ela em seu colo) Sentia saudade da mamãe Angelis? Eu também meu amor, fiquei morrendo de saudade de você filha... E essas tias loucas cuidaram direitinho da minha princesinha? O quê? Não acredito, elas apertaram suas bochechas? Que malvadas, pode deixar filha, depois desconto por você... (ela distribui cheirinhos pelo corpo gordinho da Valentina, sob o olhar babão da Manu que não cansa de admirar as duas) Ela já mamou Manu?

Manoella – ela ainda não chorou, acho que estava esperando por você... 

Ju – ela vai ainda mais fofinha, agora que têm as duas mamães para dar de mamar rsrsrsrs.

Angelis – vai mesmo, mas nada de apertar minha filha, hein? Tô de olho em vocês... (ela diz tentando soar séria, e segue para o quarto da Valentina para amamentar).
Manoella espera que depois do resultado da audiência, que ela tem esperança que seja favorável, ela deixe essa insegurança de lado e possa viver ainda mais feliz ao lado da família linda que construiu.


Essa fanfic é de autoria da @MahStewart1

Capítulo betado por @marinhore

24 comentários:

  1. Ameiii. Mah vc escrever bem de + amo demais essa fic.

    ResponderExcluir
  2. Mah eu to cada dia mais apaixonada pela maneira que você escreve e tão real e tão hipnotizante e tão lindo!!!
    Mah me responde uma pergunta a Angelis e a Manoella vão conseguir registra a Valentina como filha das duas?_? BJS ADOROOOOOOOOOOOOO suas fics!!!

    L1v1nh@ @_@

    ResponderExcluir
  3. Nao sou muito de ler as fic, mais essa ai ta perfeita!!!
    Parabens p/ quem faz!!!

    ResponderExcluir
  4. Maravilhoso esse capítulo Mah cada dia que passa eles ficam melhores. Parabéns e já estou ansiosa para ler o próximo capítulo

    ResponderExcluir
  5. Mah agradece a Deus esse talento e se lance no mercado, porque vc já é uma grande escritora. Parabéns pela perfeição que vc explora os momentos, confesso que me emocionei com a narração das cenas para Angelis amamentar, realmente é um sentimento único que uma mãe pode ter.

    ResponderExcluir
  6. Mah que tal uma prova de amor da Angelis p Mano se sentir mais segura, tipo aquela gabi poderia tentar fazer ciúme à Mano quando o pessoal da agencia for visitar a valentina e a Angel tasca um beijaço na Mano na frente de todos, colocando a gabi no lugar e deixando a Mano segura, o que achas? Ah... e sem querer muito, poderia ser algo para o dia dos namorados, o que achas? hahahaha. Desculpa pela intromissão e vc está de parabéns.

    ResponderExcluir
  7. parabéns MAH TALENTO, a cada capitulo me apaixono mais, você é de uma sensibilidade absurda garota, mas me diz é sério isso de ansiedade fazer que a mulher cri leite acompanhando a gravidez da outra? achei interessante, por pavor responde. sou sua fã.

    ResponderExcluir
  8. Perfeito...LOVE, LOVE, LOVE.....já qro o proximo capitulo, amo sua fic, é linda demais

    ResponderExcluir
  9. Bem legal parabéns ta um mazimo vc e uma grande escritora...

    ResponderExcluir
  10. Nossa Mah eu tô apaixonada nessa fic, que sensibilidade. Estamos vivendo um momento lindo da história. Só sucesso! Fico ansiosa pelas novidades dos próximos capítulos

    ResponderExcluir
  11. Lindoooooooo o cap, a Manu com vergonha da Angelis bem real isso, já vir essa cena será linda Angelis mostrando para Manu que continhua louca por ela echa seu corpo maravilhoso, já estou sentindo falta do love love love das duas na cama.

    ResponderExcluir
  12. LINDOO MAH,NOSSA TO APAIXONADA POR ESSA FIC,A CADA CAPITULO Q VC ESCREVE FICO MAIS ANCIOSA PELO PROXIMO PARABENS.

    ResponderExcluir
  13. Já quero Poc Poc <3

    ResponderExcluir
  14. Sou sua fã! parabéns pelo texto.Já é hábito e esperança checar todo dia um novo capítulo...rs

    ResponderExcluir
  15. Linda, ficou lindo esse cap, tomara que o próximo seja bem melhor e mais longo...!!! Bjos =)

    ResponderExcluir
  16. Que fofo... Queria mais. Já ansiosa para o próximo... Parabéns!

    ResponderExcluir
  17. Pra mim vcs eh a melhor!!!

    ResponderExcluir
  18. esse dia especial merece uma FANFIC especial do dia dos namorados .. estou esperando ansiosa poderia ser a primeira noite delas depois do nascimento da valentina...

    ResponderExcluir
  19. Só uma dica bem que agora a ANGELIS poderia provocar a manu com lindas Lingeries..rsrs seria ótimo ver a Manu tentada

    ResponderExcluir
  20. fernanda lima @millythiago12314 de junho de 2013 04:56

    Ameeeei,amo cada cap,e fico anciosa para ler os próximos,parabénsssss!!!!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  21. Valha-me Deus, que essa Mah sempre tem uma carta na manga!!!Apaixonante esse capítulo, Valentina chegando em seu lar, Chanelzinha cheia de denguinho, as duas mães amamentando, Manu que sempre foi tão linda e segura, com medo de Angelis rejeitá-la pelas mudanças ocorridas em seu corpo, enfim, vc sempre acrescentando um algo a mais e massageando nossos corações. Que seu talento se multiplique e vc continue a nos surpreender. MqM

    ResponderExcluir
  22. Faço minhas as palavras de muitas aqui, mais é a pura verdade, amei o capítulo vc é nota 1000000000000000000. Só acho que o próximo tem que ser algo bem especial como o dia dos namorados. Parabens menina.

    ResponderExcluir
  23. já pode postar o próximo capitulo né?!

    ResponderExcluir